QUOTES //

HISTÓRIA //

GUERRA CIVIL GALÁCTICA


Criado por sua tia e seu tio em uma fazenda de umidade de Tatooine, Luke Skywalker nunca conheceu os pais. Ele não sabe nada sobre a Força nem sobre os Jedi, mas sonha com uma vida mais excitante. Ele logo consegue realizar esse sonho. Quando seu tio Owen compra novos droides, R2-D2 e C-3PO, gera-se uma cadeia de eventos que muda Luke — e a galáxia — para sempre. Em sua primeira noite na fazenda, R2-D2, um impetuoso droide astromecânico, se perde, depois de dizer a C-3PO que tem de entregar uma mensagem a alguém chamado Obi-Wan Kenobi. Quando Luke sai para procurar o droide perdido, é atacado por incursores Tusken e fica inconsciente. Antes que ele seja capturado, o amistoso eremita Ben Kenobi aparece e afugenta o Povo da Areia. Ben revela que, na verdade, ele é Obi-Wan Kenobi e que tem algo que pertenceu ao pai de Luke: um sabre de luz, a arma de um Jedi. Obi-Wan diz que ele e o pai de Luke eram Cavaleiros Jedi, poderosos com a Força, e bons amigos. Luke não sabia nada sobre isso e pergunta como seu pai morreu. O velho Jedi diz que seu ex-aluno, Darth Vader, voltou-se para o lado sombrio e o matou.


Obi-Wan e Luke logo descobrem que, na verdade, R2-D2 estava carregando uma mensagem. Trata-se de uma gravação holográfica da princesa Leia na qual ela informa ter ocultado planos roubados da arma definitiva do Império, a Estrela da Morte, nos bancos de memória do R2-D2; ela pede a Kenobi que entregue os planos a seu pai em Alderaan. Obi-Wan pede insistentemente a Luke que o acompanhe, mas o jovem fazendeiro não aceita. Ele e Obi-Wan, porém, descobrem que stormtroopers mataram os jawas que venderam R2-D2 e C-3PO para o seu tio, e eles podem tê-los seguido até a fazenda. Luke corre até a fazenda de umidade, apenas para encontrar os restos carbonizados daqueles a quem sua tutela havia sido confiada. Estoicamente, ele decide partir de Tatooine, sob o juramento de aprender os caminhos da Força e se tornar um Jedi como o pai.


Acompanhados do piloto contratado Han Solo e seu copiloto e amigo Chewbacca, Luke, Obi-Wan e os droides seguem para Alderaan a bordo da Millennium Falcon. Mas, ao chegarem, constatam que o planeta não está lá — há apenas destroços, já que Alderaan foi destruído pela Estrela da Morte do Império. A Falcon logo é pega em um raio de tração da estação espacial gigante, mas isso se torna um golpe de sorte do destino; a princesa Leia está sendo mantida como prisioneira nessa estação. Luke e Han, disfarçados de stormtroopers, planejam um resgate enquanto Obi-Wan desativa o raio de tração. O Mestre Jedi, no entanto, enfrenta um antigo aluno, Darth Vader, e é morto em batalha. Luke presencia o acontecimento pouco antes de fugir na Falcon e fica profundamente abalado pela perda do mentor. 


O pequeno grupo de heróis se reúne com a Aliança Rebelde em Yavin 4. Após entregarem com êxito os planos da Estrela da Morte, Luke junta-se a uma missão para destruir a estação de batalha, como piloto de um X-wing sob a designação Vermelho Cinco. Na batalha que se segue, os rebeldes sofrem duras perdas, com Darth Vader entrando na briga em seu TIE Avançado. Sendo um dos últimos pilotos remanescentes, Luke passa pela trincheira da Estrela da Morte em surpreendente velocidade com o objetivo de lançar uma grande quantidade de torpedos de prótons para dentro de um pequeno duto de ventilação. Vader aproxima-se, pronto para destruir a nave de Luke — percebendo que "a Força é forte neste" — mas uma rajada inesperada efetuada por Han, da Millennium Falcon, manda o caça de Vader para o espaço, abrindo caminho para que Luke realize o disparo. Invocando a Força com o auxílio da voz desencarnada de Obi-Wan, o aspirante a Jedi faz um disparo preciso que destrói a Estrela da Morte.


Embora a Aliança Rebelde tenha desferido um duro golpe no Império ao destruir a Estrela da Morte, a guerra está longe do fim. A Aliança constrói uma nova base secreta no planeta gelado Hoth, tendo Luke como comandante. Enquanto em patrulha, Luke encontra o que acredita ser o resultado do impacto de um meteoro sobre a superfície — na realidade, é um droide de sondagem do Império. Contudo, antes de poder fazer uma inspeção, Luke é cruelmente atacado por um feroz wampa. Apesar de Luke ter escapado da caverna da criatura de gelo, partindo o braço do monstro com o sabre de luz, o jovem Jedi fica entre a vida e a morte devido às gélidas temperaturas da superfície. É nesse momento que ele recebe a visita do espectro de Obi-Wan Kenobi, que o orienta a ir para o sistema Dagobah. Lá, ele aprenderá os caminhos da Força com Yoda, um Mestre Jedi. Han acaba encontrando Luke, mantendo-o aquecido dentro da barriga de um tauntaun até que a ajuda chegue. Luke recupera-se de seus ferimentos e conduz a defesa Rebelde contra as forças terrestres do Império, incluindo os gigantescos Walkers AT-AT, dando à Aliança tempo para evacuar o planeta.


Luke parte para Dagobah como orientado e encontra Yoda. Ele não é o que Luke espera — pequeno, estranho e verde, com um jeito único de falar colocando as palavras em uma ordem incomum. O treinamento de Luke é pesado. Muitas vezes ele falha, mas aprende muitas coisas com seu sábio mestre. Durante um exercício, o jovem Jedi tem uma visão na qual seus amigos aparecem sofrendo; Luke interrompe o treinamento — a contragosto de Yoda — para ajudá-los. Ele parte para a Cidade das Nuvens onde Darth Vader o aguarda, com a esperança de capturar Luke e entregá-lo ao Imperador. Eles se enfrentam em um duelo, mas Luke é vencido e dominado. Ele é subjugado e ferido gravemente durante a luta, perdendo uma das mãos, enquanto o Lorde Sith revela uma verdade assustadora: ele é, na verdade, pai de Luke. Vader deseja que o filho junte-se a ele no lado sombrio, para que unidos possam derrubar o Império e dominar a galáxia. Luke se desespera e fica em dúvida. Ele recusa-se a ceder e consegue escapar com vida.


Com Han congelado em carbonita e mantido no palácio de Jabba, o Hutt em Tatooine, Luke lidera uma missão para resgatar o velho amigo. Agora um poderoso cavaleiro Jedi, Luke tenta negociar pela vida de Han, mas o Lorde do crime rejeita as propostas. Através de um alçapão, ele manda o Jedi para um calabouço e solta sua imensa criatura Rancor. Mas, para a surpresa de Jabba e seus capangas, Luke destrói a besta. Enfurecido, o criminoso sentencia Luke e seus amigos à morte no Sarlacc, mas outra vez o Jedi é subestimado. Luke dizima os homens de Jabba, e o grupo de heróis completa o resgate.


Com Han em segurança, Luke retorna a Dagobah para completar seu treinamento. Porém, Yoda está morrendo. Nos seus últimos momentos, o velho Mestre diz a Luke que este não precisa mais de lições, mas deve enfrentar Darth Vader — seu verdadeiro pai — mais uma vez. Yoda também revela a existência de outro Skywalker, que Obi-Wan confirma ser Leia, sua irmã gêmea.



Enquanto isso, o Império está construindo uma nova Estrela da Morte — com o Imperador supervisionando pessoalmente sua conclusão. Utilizando esquemas roubados, a Aliança Rebelde formula um plano para destruir essa nova superarma. Luke junta-se aos amigos para a missão em Endor, mas parte ao sentir a presença de Vader. Luke acredita que ainda há algo bom em seu pai, que o Imperador não conseguiu eliminar por completo. Ele tenta trazer Vader para o lado bom, mas o Lorde Sombrio afirma ser tarde demais. Em vez disso, ele entrega Luke ao Imperador na Estrela da Morte. O maligno Mestre Sith almeja converter Luke ao lado sombrio, colocando-o em duelo com o pai. Quando Vader sugere que Leia pode ser convertida ao mal, Luke deixa-se levar pela raiva e golpeia o pai implacavelmente — dando ao Imperador exatamente o que ele deseja. Mas, antes de desferir o golpe fatal, Luke para e se lembra de seus ensinamentos. Acalmando-se, Luke se desfaz da própria arma. "Eu sou um Jedi, como meu pai antes de mim", diz ele. Frustrado com a atitude de Luke, o Imperador ataca o jovem Jedi com o relâmpago da Força. Vader ergue-se e lança o Imperador em um poço profundo; o amor do filho faz com que seu verdadeiro "eu" desperte. Luke tem o último momento ao lado do pai e escapa antes da destruição da estação espacial. Está completa a jornada daquele que outrora foi um jovem fazendeiro despreocupado: ele é um Jedi maduro, a liberdade foi restaurada na galáxia e sua compaixão salvou o pai.

Itens relacionados //