Além de um Bloco de Celas: Referências a THX 1138 em Star Wars

Como a Força, o primeiro filme de George Lucas está em toda parte em Star Wars.

THX 1138 foi a estreia na direção de George Lucas, em 1971. O filme, produzido por Francis Ford Coppola, nos leva a um mundo futuro distópico, onde a população humana é controlada por uma força policial de robôs e submetida a drogas que subjugam todas as emoções. Baseado em um filme de aluno do próprio Lucas, apresenta Robert Duvall como o protagonista e personagem-título. O filme provavelmente é mais conhecido por fãs de Star Wars por causa das várias referências nos filmes da saga. Vamos dar uma olhada em algumas delas.

Trilogia Original
A novelização de Star Wars de 1976 tem a referência mais óbvia a THX 1138, uma vez que é o nome do stormtrooper que perdeu sua armadura para Luke Skywalker depois de ser nocauteado na Millennium Falcon. No filme, o stormtrooper foi renomeado para TK-421. No entanto, ainda podemos ouvir uma referência na tela na cena em que Luke e Han disfarçados estão movendo Chewbacca através do nível de detenção da Estrela da Morte. Quando o tenente Shann Childsen pergunta para onde eles estão “levando esta… coisa”, Luke afirma que é uma transferência de prisioneiros do bloco de celas 1138.
Outra referência pode ser vista na sala de controle do hangar, na Estrela da Morte. Quando C-3PO pergunta o que ele e R2-D2 devem fazer se eles forem descobertos, a primeira fala no monitor diz “THX/1138.” A referência final pode ser encontrada no nome do speeder de pernas finas e longas que está estacionado fora da cantina Mos Eisley, que é referenciado como uma Void Spider THX 1138 no Jogo de Cartas Personalizável da Decipher, embora o nome tenha sido mudado mais tarde para Void Spider TX-3.

 

THX 1138 - Star Wars cameo

As referências nos próximos dois episódios são menos óbvias. Em O Império Contra-Ataca, pouco antes do início da Batalha de Hoth, e depois de descobrir um sinal de um dos droides de sonda, o General Rieekan emite a ordem para enviar os Rogues 10 e 11 para a estação três-oito. A referência em O Retorno de Jedi é muito mais difícil de detectar e discutiu-se por muito tempo sua ausência, até 2007, quando Sideshow Collectibles divulgou a figura em escala 1:6 da Princesa Leia (em disfarce Boushh), a qual tinha os números 1138 pintados na lateral do seu capacete. Pete Vilmur, chefe de relações com fãs na Lucasfim, mais tarde contactou Chris Spitale, da Lucas Licensing, que havia supervisionado o projeto Boushh na Sideshow. Ele revelou fotos do capacete usado durante as filmagens, que, de fato, tinha 1138 pintado na lateral.
THX 1138 - The Empire Strikes Back

Trilogia do Prelúdio
A referência em A Ameaça Fantasma é fácil de detectar, e é uma das referências mais conhecidas. 1138 é a designação de um dos droides de batalha que luta em Grassy Plains durante a Batalha de Naboo. Sua designação está impressa em sua mochila, o que pode ser visto claramente uma vez que a Nave de Controle de Droide é destruída e Jar Jar Binks tomba sobre o seu corpo sem vida. Um exemplo mais obscuro está no Jogo de Cartas Colecionáveis do Jovem Jedi, onde um dos Droides Abutre que acomoda a Radiant VII é chamado de DFS-1138.
THX 1138 - The Phantom Menace cameo

A referência em Ataque dos Clones é ilegível, mas, aparentemente, todos os clone troopers têm luzes LED vermelhas na parte de trás de seus capacetes que exibem 1138. Em A Vingança dos Sith, a referência não é nem falada, nem visualizada, mas o Comandante Bacara, o clone trooper que derruba o Mestre Jedi Ki-Adi-Mundi em Mygeeto durante a Ordem 66, tem a designação numérica CC-1138. Há também uma referência no episódio Guerras de Clones, “Clone Cadetes”. A fim de colocar o Esquadrão Dominó em teste, o Comandante Colt dá a ordem para executar o Desafio Cidadela, em versão THX, variável 1138.

THX 1138 - video game cameo

Video Games e Outros
Além dos filmes, há uma abundância de referências tanto a THX quanto 1138 em video games de Star Wars. Um dos principais personagens da Republic Commando, Boss, tem a designação numérica RC-01/138 (ou RC-1138). Ele também fez uma aparição no episódio Guerras de Clones, “Witches of the Mist”, embora a sua designação nunca seja mencionada. Em The Force Unleashed, o protagonista Galen Marek é referenciado como Sujeito 1138 durante a fuga do Empirical, e em The Force Unleashed II, o código de autorização para atracar no Salvation é “Talus Haroon 10-11-38”.
O número também é referenciado em romances que hoje fazem parte do Star Wars Legends. Os romances Thrawn Trilogy apresentam uma arma biológica experimental que foi identificada como Trihexalophine 1138 na edição no. 68 da série de quadrinhos Republic. E quanto ao livro intitulado Mil, Cento e Trinta e Oito Maravilhas da Galáxia Antiga?

THX 1138 - video game cameo

O passeio Star Tours, nos parques temáticos da Disney, é um pouco mais conspícuo. O Voo 1138 do Star Tours te levará para Chandrila. O porto espacial THX1138 é um terminal starliner no Sistema Terra, que foi visitado por um speeder do Star Tours no passeio reformulado. E, enquanto estiver na fila para o passeio, você pode ouvir um atendente pedindo a atenção do proprietário de um landspeeder vermelho e preto com identificação do veículo THX-1138 — uma vez que ele está estacionado em uma área proibida para flutuação!
Além de Star Wars, THX 1138 tem sido referenciado em um monte de outros meios e tornou-se uma espécie de piada corriqueira.
Kevin Beentjes (Wild Whiphid) é um biólogo molecular que trabalha no Museu de História Natural Holandês. Ele é editor da Teekay-421, um administrador da Yodapédia e fascinado pela miríade de formas de vida alienígena daquela galáxia muito, muito distante.

TAGS: